Sites Amazon
Indique os seus websites Amazon preferidos.


Divisa
Todos os preços serão convertidos para facilitar a comparação:

Saber que iria ser pai foi um momento de profunda alegria.

Como todos os pais, desde a boa nova, eu e a mãe preparámos a chegada da nossa filha com expectativa, alegria e o constante desejo de providenciar àquela soma do nosso amor a melhor segurança, o maior conforto e toda a felicidade do Mundo.

Rapidamente constatámos que receber um bebé implica gastar muito dinheiro. Um quarto precisa ser mobilado. Um “ovinho” é indispensável. E um carrinho. E uma cama de viagem. E uma banheira apropriada. E mais isto… E mais aquilo… E ainda...

Começaram os passeios às várias lojas e grandes superfícies. Escolher a opções, ver alternativas e somar preços. E a conclusão foi rápida, simples, e direta: custa uma fortuna!

Se é verdade nunca procurámos artigos “de luxo”, também é verdade que não queríamos fazer concessões na qualidade – afinal, trata-se da segurança e conforto da nossa filha.

(...) em Portugal os artigos de puericultura são absurdamente caros!

Depois pesquisámos a Amazon. E acordámos para uma realidade: em Portugal os artigos de puericultura são absurdamente caros!

  • Aquele carrinho com “ovinho” que tanto gostámos? 120€ mais barato na Amazon!
  • E o berço? Na Amazon custa menos 90€!
  • A cama de viagem? Poupamos 30€!
  • E isto? Mais barato!
  • E aquilo? Muito mais barato!
  • E ainda…? Sim, também mais barato!

As diferenças chegavam às dezenas ou mesmo centenas de euros! Não se tratava de cópias ou artigos equivalentes, nem de artigos usados – eram rigorosa e absolutamente os mesmos artigos.

Subitamente já não custava uma fortuna: continuava a ser bastante dinheiro, mas já não era uma fortuna. Já podíamos comprar o que achavávamos adequado para a nossa bebé!

As compras na Amazon correram sempre bem, diria até melhor do que as compras (online e em loja) em Portugal, com prazos de entrega rápidos e fiáveis (os portes tornam-se irrelevantes em diferenças tão grandes).

Isto foi há 7 anos.

E desde então pouco ou nada mudou. Continua a ser assim. Se se comparar os preços de artigos de puericultura das grandes cadeias com a Amazon neste preciso momento (clique aqui e veja por si) as diferenças continuam a ser da mesma grandeza!

Entretanto, como todos os bebés saudáveis, a nossa filha foi crescendo e precisando de mais coisas: um carrinho de passeio, e uma cadeira para o carro, e depois outra maior, e mais isto, e mais aquilo. E continuamos a comparar antes de comprar. E continuamos encontrar os mesmos artigos 30%, 40% ou até 50% mais barato que em Portugal.

Ao longo destes anos, por experiência própria, e trocando factos e opiniões com outras pessoas, verifiquei que essa realidade é mais ou menos transversal a um vasto leque de produtos de consumo: telecomunicações, brinquedos, electrodomésticos, fotografia, etc., etc.

Isto chocou-me. Isto zangou-me. E por isso criei o Zuddy.

Isto chocou-me. Isto zangou-me. E por isso criei o Zuddy. Quero que vos seja fácil comparar os preços dos artigos que querem comprar com a Amazon, e que possam encontrar um mundo de poupança tal como me aconteceu a mim.

Quero, desejo sinceramente, que esta ferramenta vos ajude a comprar mais barato.

Bem haja!

Criador e programador do Zuddy.

2019-03-10

PS: Se entre os seus amigos há recém ou prestes-a-ser mamãs e papás, partilhe este texto com eles. Irão agradecer-lhe.


Voltar ao topo